Artigo MTT: “Não está satisfeito com os locais disponíveis? Faça um novo”

8 outubro 2009

E aí pessoal

Vou reproduzir aqui um artigo do site Music Think Tank, do autor Derek Sivers, com o título “Not happy with existing venues? Make a new one.” O site MusicThinkTank.com é uma colaboração entre diversos autores que, ou trabalham com produção musical ou são artistas. É leitura obrigatória pra quem se interessa por produção musical ou quer melhorar sua própria música, ou suas estratégias de divulgação. Quem quiser ler no idioma original, clique AQUI. Tradução abaixo, comentários meus após o Leia mais!

Gary Jules é um músico de Los Angeles que desejava um local [N.d.T.: no original, “Venue”, serve pra bares ou casa de shows] em Hollywood que fosse mais amigável para os músicos. Um lugar onde pessoas fossem para ouvir, e não pra falar durante a música. Um lugar pra tocar, e não pra mostrar.

Por não existirem locais como este, ele decidiu criar um novo.

Ele notou um pequeno café em Cahuenga. Uma locação perfeita, no coração de Hollywood, mas não tinha música.

Perguntou então se ele poderia tocar lá nas noites de terça-feira, e trazer seu público e sonorização. Eles deixaram.

Logo ele estaria convidando seus artistas favoritos para abrir seus shows, e organizando um encontro semanal de compositores também.

Começou a dar certo, então ele deixava sua sonorização lá o tempo inteiro, e começou a marcar grandes artistas toda noite.

Só havia uma grande regra: proibido falar durante a apresentação. A plateia era avisada para não falar, e os músicos até mesmo parariam o show se alguém falasse. (“Você pode ir pra qualquer lugar em Los Angeles pra conversar durante a música. Não aqui”)

Dentro de alguns meses, o café nem mesmo abriria durante o dia mais. Eles agora são um dos melhores locais para música em Hollywood, The Hotel Café, e artistas mundialmente reconhecidos tocam lá todas as noites.

(Só pra esclarecer, Gary fez isso somente nos anos de 2002 e 2003. Ao final de 2003, ele conseguiu ter uma música no topo das paradas do Reino Unido, Mad World [N.d.T.: Cover de Tears for Fears]. Os donos do The Hotel Café, Marko e Max, merecem todo o crédito pelo impressionante crescimento desde então.)

De qualquer modo, o foco não é Gary nem o Hotel Café, mas isto:

Se você não está feliz com nenhum dos jogadores existentes na “indústria”, não limite suas escolhas ao que já existe. Você pode fazer um novo local, uma nova loja, ou qualquer outra coisa.”

(Este artigo pode ser replicado pela seguinte licença Creative Commons: ATRIBUIÇÃO-USO NÃO-COMERCIAL-VEDADA A CRIAÇÃO DE OBRAS DERIVADAS 3.0 UNPORTED)

Continue lendo »


%d blogueiros gostam disto: